Connect with us

League of Legends

ATUALIZAÇÕES PARA AS RANQUEADAS DE 2019

Bruna Andrade

Published

on

A Riot Games anunciou hoje algumas mudanças que vão acontecer para a temporada de 2019!

Confira abaixo o texto na integra, ou acesse o site oficial da Riot e confira clicando aqui.

ATUALIZAÇÕES PARA AS RANQUEADAS DE 2019

Fala, galera! Recém anunciamos mudanças para as ranqueadas que chegarão no League em 2019. Aqui é o Ed “SapMagic” Altorfer, Líder de Produto e um dos muitos designers trabalhando nas ranqueadas. Hoje, gostaríamos de falar sobre como vemos a competição individual no League e de nos aprofundar em alguns dos nossos planos para o futuro.

ESPAÇO PARA CRESCER

Lá em 2013, nós introduzimos o atual sistema ranqueado para oferecer marcos e objetivos significativos para os jogadores. Desde então, ele se tornou o lugar para os jogadores testarem suas habilidades individuais. Mas sempre existe espaço para melhorar e as ranqueadas não são exceção – então, ano passado, começamos a pensar no que poderíamos melhorar para os jogadores.

Uma das coisas não tão legais que vimos é que os feitos de jogadores experientes que jogavam em várias posições não eram reconhecidos pelo sistema. Em vez disso, o sistema os colocava em jogos muito difíceis, já que não conseguia diferenciar as habilidades de um jogador em diferentes posições. Também notamos que não estávamos alcançando o resultado esperado em termos de marcos e objetivos, especialmente para as ligas Bronze, Prata e Diamante, em que você pode melhorar bastante em termos de MMR sem subir de classificação. Isso, aliado às recompensas já gastas do final da temporada e a um sistema de colocação que precisa desesperadamente ser atualizado, acabou gerando uma experiência realmente ruim para muitos jogadores.

SUBINDO DE CLASSIFICAÇÃO

Sabíamos que não queríamos fazer alterações substanciais às ranqueadas e logo depois anunciar um sistema novo justo antes do final da temporada. Então, em vez disso, queremos compartilhar nossos planos bem cedo para que vocês nos ajudem a moldar as ranqueadas, e também vamos atualizar vocês constantemente durante o desenvolvimento.

Quando trabalhamos nos problemas acima, nos concentramos em quatro aspectos principais que sentimos que as ranqueadas deveriam oferecer:

  • Dar feedbacks claros com cada partida de colocação.
  • Trazer uma variedade de desafios ao longo da temporada.
  • Oferecer marcos regulares e objetivos importantes independente do nível de habilidade do jogador.
  • Recompensar investimentos sérios e constantes.

Vamos detalhar os recursos que estamos construindo para alcançar esses objetivos.

FEEDBACKS CLAROS

Cada nova temporada significa um novo começo. Para ajudar com isso, nós reiniciamos seu ranque e o colocamos em uma posição um pouco abaixo para que você possa provar suas habilidades novamente ao subir nas ligas. Historicamente, isso significava que era necessário jogar dez partidas de colocação de alto risco com pouco ou nenhum feedback, o que deixava muitos jogadores ansiosos.

Ano que vem, você receberá uma classificação provisória depois da sua primeira partida que só será visível para você. Esse será a classificação mais baixa que você poderá ter ao terminar suas partidas de colocação. Vencendo ou perdendo, sua classificação provisória será menor do que aquela em que você terminou na temporada anterior, mas você saberá o que esperar desde o início. Ao longo das próximas nove partidas de colocação, seu ganho de PdL será acelerado, você irá pular as séries de promoção e estará protegido de perder PdL – já que sua classificação verdadeira é, na verdade, maior do que a provisória. Depois de completar todas as dez partidas, você habilitará sua classificação verdadeira e outros jogadores poderão vê-la no seu perfil.

VARIEDADE DE DESAFIOS

Ao longo dos anos, e com recursos como a seleção de posição, nós vimos uma queda na variedade de Campeões e posições que os jogadores escolhem nas ranqueadas – especialmente quando comparadas com outras filas. Quando pensamos sobre por que isso está acontecendo, notamos que o sistema estimula os jogadores a se especializarem. No momento, as ranqueadas não dão reconhecimento a jogadores que se especializam em várias posições. Na verdade, se você já entrou na fila para outra posição ou caiu no preenchimento automático, você já deve ter notado que nosso sistema trata a sua habilidade sem se importar com o que você está jogando.

Isso significa que, se você for muito ruim em uma posição diferente, terá mais chances de ter uma partida muito difícil. Isso é um pouco como presumir que um ótimo goleiro também vai ser um ótimo atacante, o que simplesmente não é verdade na maior parte dos casos.

O sistema de gerenciamento de partidas precisa ser o mais justo possível, ponto. Queremos que o sistema recompense quem vai a fundo em uma posição, mas também queremos que reconheça aqueles jogadores experientes que querem se especializar em várias posições. Para esse fim, queremos fazer algumas mudanças grandes no gerenciador de partidas. Na próxima temporada, as ranqueadas Solo/Duo receberão um sistema de gerenciamento posicional, que é uma forma chique de dizer que vamos procurar oponentes para você com base na sua habilidade na posição que você está jogando.

Em termos de classificação, esse plano é para jogadores que querem ter até cinco classificações, um para cada posição em que eles jogam. Com as altas chances de você conseguir sua posição primária, você ainda poderá se concentrar em escalar até o topo, se quiser… ou até o meio, você que sabe (Maokai é bom em qualquer lugar). Se você escolher jogar com algo diferente ou entrar no preenchimento automático, sua experiência deverá ser mais justa e sua classificação refletirá sua habilidade nessa posição. O plano atual só adicionará ranques de posição para as ranqueadas Solo/Duo, o que faz sentido quando consideramos o meta de posições bem definidas e ênfase no jogo individual. Dito isso, estamos abertos a mudar isso no futuro.

Já Mestres e Desafiantes são mais complicados. Esses jogadores raramente ganham sua posição primária e é importante para a integridade da escalação que cada partida que eles joguem conte para decidir se eles são os melhores. Nosso pensamento atual é que, assim que um jogador alcançar o tier de Mestre, todas as suas partidas contarão para uma única classificação, assim como é hoje. Se esse jogador for rebaixado, sua classificação de posição individual aparecerá de novo. Vamos continuar a avaliar se isso faz sentido e ajustar conforme for apropriado.

Mais uma coisa: sabemos que intenção competitiva é muito importante nas ranqueadas, então vamos lançar novos sistemas para ajudar a combater situações em que os jogadores não levam as partidas a sério quando jogam em posições diferentes. Um dos planos é conceder um bônus por vencer partidas em posições secundárias ou de preenchimento automático que será aplicado para a próxima vez que você jogar na sua posição primária. Outro introduz medidas punitivas que aplicarão perdas de PdL para a sua posição primária se você perder partidas intencionalmente.

Estamos resolvendo vários outros casos periféricos como esses, incluindo troca de posições na Seleção de Campeões ou dentro da partida, e vamos falar mais sobre nossas soluções para eles em atualizações futuras.

METAS E OBJETIVOS

Quando olhamos para o nosso arranjo atual de classificações, vimos que algumas das nossas ligas abrangem uma gama muito ampla de habilidades ou simplesmente têm muitos jogadores – em especial as ligas Bronze, Prata e Diamante. Isso resulta em situações em que alguns jogadores passam muito tempo sem subir de classificação. Poderíamos resolver esse problema movendo jogadores dentro das ligas atuais, mas teríamos que passá-los para classificações muito mais altas. No lugar disso, acreditamos que essa seria uma boa oportunidade para adicionar mais patamares em que os jogadores poderão receber feedback positivo no seu progresso sem diluir o significado das classificações.

O design atual adicionará duas novas ligas e a adição delas ajudará a alcançar duas coisas. Primeiro: elas vão nos ajudar a resolver as experiências ruins nas ligas Bronze, Prata e Diamante. Em segundo: elas trarão mais diferenciação para jogadores Diamante, algo que tem sido um problema há algum tempo.

Como estamos adicionando duas novas ligas, vimos uma oportunidade de comprimir o número de divisões de cinco para quatro. O resultado final dessas mudanças será uma escalada que dará ênfase aos melhores momentos de se chegar em uma nova liga, sem expor você a mais séries promocionais de divisões.

INVESTIMENTOS SÉRIOS E CONSTANTES

De muitas formas, as recompensas das ranqueadas poderiam ser mais ambiciosas e mais… recompensadoras. As ranqueadas deveriam dar reconhecimento aos jogadores que competiram ao longo de toda a temporada. No momento, para muitos jogadores, jogar dez partidas no início do ano os recompensa da mesma forma que seus amigos que jogam centenas de partidas. A moldura por classificação dá prestígio, mas só reconhece os feitos da temporada passada. Além disso, a skin Vitoriosa tem um apelo limitado. Quando fizemos o Maokai Vitorioso, somente os jogadores de Maokai ficaram felizes, enquanto todos os outros ficaram frustrados que seus Campeões favoritos ficaram de fora.

Para melhorar a experiência, estamos pensando em dividir a temporada em três fases. Sua classificação não reiniciará entre as fases – no lugar disso, você terá uma oportunidade de refletir em como você está se saindo, definir novos objetivos e receber recompensas melhores. Ainda estamos pensando nos detalhes, então esperem ouvir mais até o lançamento.

As recompensas de final de temporada ainda vão existir, mas queremos que seja lá o que fizermos reconheça feitos baseados em habilidade e que tenha, de preferência, um apelo mais amplo do que as skins Vitoriosas. Não vamos substituí-las a não ser que encontremos uma recompensa melhor – como sempre, estamos abertos a sugestões.

MOLDURA POR CLASSIFICAÇÃO

Na próxima temporada, você habilitará sua moldura de ranque assim que terminar suas partidas provisórias para uma posição. Você poderá vê-la crescer e mudar ao longo da sua escalada. Além da tela de carregamento, o design atual adicionará sua classificação do momento ao seu perfil, cartão flutuante do jogador e saguão, então seus amigos poderão ver e ficar maravilhados com sua habilidade.

Ainda estamos trabalhando em como queremos mostrar sua classificação da temporada passada, então sintam-se livres para sugerir ideias de como podemos celebrar esses feitos!

RECOMPENSAS QUE EVOLUEM

Na próxima temporada, sua moldura vai ficar mais impressionante dependendo de quantas fases você participar.

Além da moldura, queremos dar a vocês outras formas de mostrar sua habilidade. Na próxima temporada, você poderá receber novas recompensas que refletirão seu ranque e crescerão dependendo de quantas fases você participar—coisas como ícones, aprimoramento da moldura de classificação e talvez até algum charme dentro do jogo. Os jogadores terão que provar suas habilidades ao longo da temporada para receber as recompensas mais épicas.

LOGO MAIS, EM UMA FILA PERTINHO DE VOCÊ

Retornaremos regularmente ao longo dos próximos meses com mais informações sobre cada um desses designs enquanto nos aproximamos do final da temporada. Antes disso, estamos planejando fazer alguns testes com o MMR por posição no modo Normal de escolha alternada, então fiquem atentos para mais detalhes.

Esse é só o início da conversa. Estamos empolgados em embarcar nessa jornada com vocês—contem pra gente o que vocês acharam dessas mudanças e vamos ficar de olho nas suas sugestões e feedback!

Comments

comments

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CBLOL

FLA PERDE INVENCIBILIDADE EM ESTREIA DE REVEN, CNB E TEAM ONE SEGUEM SEM VENCER NO CBLOL

Leonardo Matheus da Silva Cruz

Published

on

FLA PERDE INVENCIBILIDADE EM ESTREIA DE REVEN, CNB E TEAM ONE SEGUEM SEM VENCER NO CBLOL

A segunda semana do CBLOL encerrou com destaques positivos para Redemption, INTZ e Pain que fizeram 2/0 e se igualam ao Flamengo na liderança e que vem mostrando até aqui um certo equilíbrio entre as equipes, porém ainda tem muito campeonato pela frente, vamos aos jogos.

INTZ x CNB

Mais uma vez a CNB começa bem no jogo, roda bem o mapa, porém segue com a dificuldade em fechar os jogos e a INTZ, na paciência, virou o jogo numa chamada de baron da CNB, durante a entrevista o técnico “Turtle” afirmou que errou na composição da equipe o que fizeram perder em duas side lanes e que tem plena confiança na equipe. Pelo lado da INTZ o  técnico “Maestro” falou que precisa melhorar um pouco o ínicio de jogo da equipe e que esperava sair da segunda semana no 2/0.

FLA x RDP

Na estreia do “Reven” (mais conhecido como “flanalista” na comunidade) que entrou no lugar do “Luci” que saiu por problemas pessoais, o Flamengo viu sua primeira derrota diante da Redemption, num jogo amarrado e equilibrado que durou cinquenta (50) minutos, foi um jogo de muitos erros dos dois lados como os próprios jogadores de ambos os times falaram em suas entrevistas e a RDP saiu vitorioso após conquistar um dragão ancião e baron e empurrou o FLA para dentro da base e em uma iniciação desastrosa do “Reven” encerrou a invencibilidade, porém a equipe do FLA viu com bons olhos a derrota para identificar os erros e melhorar para as próximas rodadas.

TEAM ONE x PAIN

A Team One amargou sua quarta derrota seguida diante da Pain, foi um jogo morno até certo ponto, porém “Ayel” chamou o jogo pra si com sua Camille e liderou sua equipe para vitória enquanto os golden boys seguem desfalcados e tentando se adaptar, pois seu ADC titular “Absolut” está com uma tendinite na mão e segue incapacitado para atuar e neste domingo utilizou “4lan” como ADC, a Team One teve uma evolução porém o desentrosamento da equipe era visível, tanto comissão técnico quanto jogadores seguem confiantes na recuperação da equipe dentro do CBLOL.

UPP x KABUM

A Uppercut teve uma recaída e saiu 0/2 deste fim de semana, e diante da Kabum foi um jogo rápido sem chances de virada e vem evoluindo e fazendo bons jogos, já pela Uppercut tinham alguns jogadores com problemas de saúde, porém eles não usaram isso como desculpa pela derrota, “Erickão” foi o único a falar com a imprensa blindando um pouco a equipe pela derrota.

A tabela após os jogos desta semana terminou com Flamengo, Kabum, Redemption e Pain todos 3/1, com Fla liderando nesta ordem, em seguida vem Uppercut e INTZ 2/2 e os últimos colocados Team one e CNB 0/4.

Comments

comments

Continue Reading

CBLOL

Riot anuncia local da final do campeonato brasileiro de LoL

Bruna Andrade

Published

on

Final do CBLOL no RIO

No dia 7 de setembro, o Rio de Janeiro vai receber a final do Campeonato Brasileiro de League of Legends 2019 – Segunda Etapa, mais conhecido como CBLoL. O palco da grande decisão será a Jeunesse Arena, localizada no Parque Olímpico. A venda dos ingressos começa no dia 1º de julho e em breve mais informações serão divulgadas.

A Fase de Pontos do CBLoL começou hoje, às 13h, com transmissão nas páginas oficiais da Riot Games no YouTube e no Twitch e, também, no SporTV 3. Serão mais de três meses de grandes embates, surpresas e muita emoção. O time vencedor da competição receberá o título de campeão brasileiro e vai representar o país no Campeonato Mundial de League of Legends, que será realizado em Paris – França.

Não é a primeira vez que o Rio de Janeiro recebe uma competição de League of Legends. Em 2014, a final do CBLoL foi no Maracanãzinho, onde a equipe KaBum eSports surpreendeu e levou para casa a tão famosa taça do campeonato. Mais tarde, em 2017, a própria Jeunesse Arena foi palco do Mid Season-Invitational, o MSI, o segundo campeonato internacional mais importante de League of Legends. Lá o público presenciou o encontro entre melhores do mundo no futebol e em League of Legends: Ronaldo Fenômeno e o Sul-coreano Faker.

Comments

comments

Continue Reading

League of Legends

Campanha dos Brasileiros em Campeonatos Internacionais de LoL

Leonardo Matheus da Silva Cruz

Published

on

Na madrugada deste sábado para domingo, a equipe da INTZ deu adeus ao Mid Season Invitational (MSI) com a pior campanha brasileira no torneio, o que tem sido algo recorrente tanto no MSI quanto no WORLDS. Os brasileiros não estão desempenhando bons jogos no exterior sempre com jogos confusos, tomadas de decisões erradas, erros que um profissional dificilmente cometeria, o questionamento que fica é, o que precisa para os times brasileiros irem bem nos torneios de League of Legends??

O que a comunidade tem questionado é que se o Flamengo eSports faria melhor, de fato o Flamengo tem um time melhor, porém perdeu para o bom time da INTZ e não podemos falar se seria o melhor ou não, pois não estava lá, o questionamento real é, com tanto investimento que os times de LoL tem no Brasil, falta espírito competitivo? Falta comprometimento? Seriedade? Os times brasileiros acabam se dedicando muito dentro do CBLOL e desempenha grandes jogos, porém lá fora acaba representando de forma negativa o país, dentro do E-Sports, a única modalidade que não vai bem em torneios internacionais é os times de LoL, e são os que mais tem audiência no campeonato nacional da modalidade, sempre com grandes torcidas, mas após essa campanha pífia da INTZ, estamos nos perguntando, esses jogadores sabem o que é competir e representar o país? Esses jogos foram muito abaixo do que eles realmente jogam, o que tem que melhorar não é apenas a mecânica e sim o espírito de atleta, faltam pessoas que entre no jogo e viva o jogo intensamente, falta garra falta vontade, FALTA AMBIÇÃO, esquecer um pouco as festas, a fama, e ver que tem muito mais envolvido. Jogar todos eles sabem e muito bem, são profissionais e recebem para isso, porém falta entrega, falta cabeça para esses atletas que são na maioria jovens entre 18 e 22 anos de idade, talvez uma possível volta de jogadores experientes para mesclar com esses jovens seria uma boa opção.

Enfim, o cenário de League of Legends no Brasil precisa melhorar e muito, não mecânica, mas sim a cabeça, viver o jogo, pensar o jogo, é isso que os alimenta e acima de tudo, são exemplos para quem almeja chegar ao topo e é ao topo que deveriam estar desde o ínicio, perder e ser eliminado faz parte do esporte, o que não deve, com tanto recurso, é ser humilhado e se tornar uma piada internacional.

Comments

comments

Continue Reading
Advertisement

Veja também

Advertisement
Advertisement

Copyright © 2017 Zox News Theme. Theme by MVP Themes, powered by WordPress.

%d blogueiros gostam disto: