Connect with us

League of Legends

Riot Games escolhe Atento como parceira estratégica no atendimento a jogadores brasileiros

Bruna Andrade

Published

on

Riot Games escolhe Atento como parceira estratégica no atendimento a jogadores brasileiros

Projeto tem início em maio e foi implantado 100% de maneira remota, em função da pandemia do novo coronavírus

A Riot Games, empresa americana desenvolvedora e editora de jogos como League of Legends, acaba de firmar parceria com a Atento, multinacional líder em soluções de customer experience no Brasil e na América Latina, para realizar o atendimento aos jogadores brasileiros. O projeto, que englobará diferentes frentes, foi totalmente estruturado, inclusive em etapas como recrutamento, seleção e treinamento de maneira 100% remota em função dos últimos eventos ocasionados pela pandemia de COVID-19.

Segundo Luis Guilherme Sanches Prates, vice-presidente comercial da Atento no Brasil, o acordo entre as empresas foi fechado dias antes da pandemia do novo coronavírus eclodir no Brasil. Sendo assim, a companhia teve de repensar todo o processo de implantação do projeto para garantir que a estrutura estivesse completamente pronta no início de maio, de maneira segura e assertiva.

“Uma das solicitações da Riot Games, diante do cenário que o Brasil está vivendo, foi que a seleção e o treinamento dos profissionais que trabalhariam para esse projeto, bem como todo o desenvolvimento em termos de infraestrutura, acontecesse de maneira online. Já estávamos acostumados a selecionar profissionais remotamente, mas no caso desse cliente, havia um desafio extra de encontrar pessoas com um perfil muito específico, que de fato tivessem familiaridade com o mundo de games. Conduzir todo o processo, incluindo o treinamento – que também precisou sofrer adaptações – e a estruturação de toda parte técnica, de forma remota e dentro do prazo acordado, sem dúvida foi um desafio”, comenta o executivo.

Neste início de projeto, todos os agentes vão seguir trabalhando em sistema de home office, para atenderem jogadores que buscarem ajuda via sistema de Suporte ao Jogador e outros canais nos sete dias da semana, das 6h00 às 22h00. Segundo o executivo, o atendimento remoto do especialista vai seguir os padrões de segurança do manuseio de dados dos consumidores e do ambiente corporativo. A gestão desse time também será à distância e incluirá ferramentas de controle de produtividade.

Entre os diversos motivos que fizeram com que a Riot escolhesse a Atento como parceira estão a capacidade da companhia em criar ambientes que remetam à cultura do parceiro e em contratar, gerir e manter os especialistas nos perfis adequados.

Também foi levado em consideração o fato de a Atento contar com um trabalho estruturado de Community management, que monitora, gerencia e apoia estrategicamente as operações de mídias sociais através de mapeamentos de processos, desenhos da jornada do cliente, análises de insights de negócios e compartilhamento de melhores práticas do mercado digital. “A Riot desejava que o atendimento aos seus consumidores fosse realizado por profissionais que tivessem de fato experiência no universo de games. Nós encontramos esse time e podemos assegurar que quem buscar qualquer suporte vai encontrar um consultor com expertise para atender as demandas”, conta o VP.

“Estamos felizes em estrear essa parceria. Foi um desafio reestruturar o processo de contratação e treinamento da equipe para um modelo online, sendo fundamental para a Riot Games seguir os protocolos de segurança recomendados pelos órgãos de saúde”, afirma Diego Martinez, head de Operações da Riot Games no Brasil. “Nosso objetivo é entregar um serviço de suporte de alta qualidade e que atenda às necessidades dos jogadores em um momento que a empresa passa a publicar diferentes títulos, de diferentes gêneros”, completa.

Para potencializar a gestão e engajamento dos canais digitais da Riot Games, a Atento possui especialistas com perfis dinâmicos procedentes da área de comunicação social, com experiência comprovada em gestão de customer experience ou vivência gamer. Ainda incorporou ao projeto o uso da plataforma Keepcon, que aplica tecnologia semântica a este trabalho e possibilita compreender os comentários dos usuários com mais acurácia, avaliar seus sentimentos, classificando e moderando esses conteúdos e respondendo em tempo real a essas interações, de forma assertiva e em menor tempo. “O uso dessa ferramenta facilitará muito o dia a dia das operações e transformará comentários em importantes insights para a Riot. Esperamos, com isso, garantir uma experiência de excelência aos jogadores brasileiros da companhia”, finaliza o executivo da Atento.

Sobre a Atento 

A Atento é a maior empresa de serviços de gestão do relacionamento com clientes e processos de negócios (CRM/BPO) na América Latina e um dos três maiores provedores mundiais com base em seu faturamento. A companhia é também líder em serviços de CRM/BPO para companhias que desenvolvem suas atividades nos Estados Unidos. Desde 1999, desenvolveu seu modelo de negócio em 13 países e emprega de 150 mil funcionários. A Atento tem mais de 400 clientes aos quais oferece uma ampla gama de serviços de CRM/BPO por meio de múltiplos canais. Seus clientes são empresas multinacionais líderes em setores como telecomunicações, bancário e financeiro, saúde, varejo e administração pública, entre outros. As ações da Atento são negociadas sob o símbolo ATTO NYSE (New York Stock Exchange). Em 2019, Atento foi reconhecida pelo Great Place to Work® como uma das 25 Melhores Multinacionais para se Trabalhar no Mundo e como uma das 25 Melhores Multinacionais para se Trabalhar na América Latina. Para mais informações www.atento.com.

Comments

comments

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

League of Legends

🚨Exclusivo: KaBuM Anuncia Mega Investimento no CBLOL 2024, mas Bastidores Revelam Conexões e Denúncias!

Bruna Andrade

Published

on

O mundo dos eSports está em polvorosa com o anúncio bombástico da KaBuM, prometendo o maior investimento de sua história no elenco para a temporada 2024 do CBLOL. A equipe, que enfrentou uma temporada 2023 turbulenta, com resultados decepcionantes, está disposta a virar o jogo e retomar seu lugar de destaque no cenário competitivo.

Em entrevista exclusiva ao ge, um dos executivos do time revelou grandes planos para montar um elenco extremamente competitivo, tanto para o CBLOL quanto para o CBLOL Academy. “Estamos de olho em todos os grandes jogadores, queremos os melhores talentos para brigar pelo título”, afirmou o executivo.

Mas, por trás dessa notícia empolgante, há rumores de que os bastidores estão fervilhando com conexões e denúncias que podem abalar o cenário competitivo. Tata Wu, a arquiteta de renome que trabalha para diversos times de eSports, está sendo apontada como a possível ponte que levou a denúncia do time da LOUD contra a KaBuM para a Riot Games.

Os detalhes ainda são escassos, mas fontes próximas ao caso sugerem que a influência de Tata Wu pode ter sido decisiva para trazer à tona possíveis irregularidades, lembrando o caso de assédio envolvendo o jogador Loop e a paiN Gaming em 2016, que chocou a comunidade e levou a uma reflexão profunda sobre a conduta nos eSports.

Loop, o jogador que estava no centro da polêmica, quebrou o silêncio e confirmou a versão da paiN, explicando que a notícia do interesse da paiN chegou a ele por terceiros e não por contato direto da organização. Ele também destacou que houve um mal-entendido inicial com a INTZ sobre como ele soube do interesse da paiN, mas que isso foi esclarecido posteriormente.

Loop decidiu rescindir seu contrato com a INTZ devido a discordâncias que surgiram durante uma conversa com a organização, uma decisão que foi informada tanto à INTZ quanto à Riot Games. Ele também expressou sua frustração com a forma como a situação foi tratada, criticando aqueles que ofenderam seu pai, que saiu em sua defesa.

A KaBuM, por sua vez, garante que o investimento milionário e os planos ambiciosos para 2024 não têm relação com os resultados ruins de 2023, mas sim com um planejamento financeiro estratégico e a busca constante pela excelência. “Estamos construindo uma estrutura sólida para garantir o sucesso a longo prazo”, afirmou o executivo.

Enquanto a KaBuM se prepara para uma temporada de redenção, os fãs e a comunidade de eSports aguardam ansiosamente para ver como essa história se desenrolará, com a promessa de muitas emoções e reviravoltas nos próximos capítulos.

Comments

comments

Continue Reading

BGS

O Brasil está entre os 10 países com mais fãs de eSports no mundo

Pesquisa também aponta mercado extremamente lucrativo para jogadores profissionais de eSports.

Avatar

Published

on

Pesquisa também aponta mercado extremamente lucrativo para jogadores profissionais de eSports.

Em 2012, a Brasil Game Show (BGS) sediou o primeiro torneio oficial de League of Legends (LoL) do Brasil, desde então, a presença brasileira no cenário de eSports tem crescido significativamente. Atualmente, os eSports têm se tornado uma oportunidade de carreira para muitos jovens que jogam por diversão, que resultou em 8,6 mil profissionais no país. Metade desses atletas, 4.388, ainda participa de competições em 2023.

Um estudo recente publicado no site Aposta Legal, analisou mais de 5.000 buscas no Google por palavras relacionadas aos eSports, combinadas com dados fornecidos pela plataforma eSports Earnings e Liquipédia. O objetivo do estudo foi verificar a popularidade dos esportes eletrônicos no Brasil em 2023, além de analisar a posição do país nos rankings globais.

Com quatro milhões de buscas mundiais pela sigla eSports, o Brasil ocupa o sétimo lugar entre os maiores fãs do mundo, representando 3% das pesquisas mundiais por palavra. O país fica atrás apenas de grandes potências dos eSports, como Espanha (7,4 milhões de buscas), Filipinas (4,5 milhões) e Canadá (4,1 milhões).

De acordo com a pesquisa, neste ano, o Brasil está em oitavo lugar como o país com mais jogadores profissionais em atividade no mundo, ficando logo atrás da China (6.990 atletas), Alemanha (5.786), França (5.407 jogadores) e Reino Unido (4.560).

Segundo o feedback do proprietário deste site, os jogadores brasileiros estão extremamente dispostos a investir valores no entretenimento dos jogos online, nas mais diversas categorias, dos cassinos e jogos de azar até clássicos para dispositivos mobile, como Candy Crush Saga e Angry Birds.

Quanto aos jogos de eSports mais populares no Brasil, o estudo indicou que o Fortnite é o mais procurado entre os jogadores, com 507 mil buscas no Google. Valorant aparece em segundo lugar, com 365 mil buscas pelo jogo no país. Em terceiro lugar vem Free Fire, com 288 mil buscas, seguido pelo League of Legends, com 198 mil buscas. Dota, um dos pioneiros dos eSports, não está entre os mais procurados.

Os paranaenses são os que mais pesquisam sobre o jogo Fortnite em 2023, e no Distrito Federal, o Valorant e o Overwatch são os jogos mais jogados pelos moradores. No estado do Maranhão, os jogos preferidos são o Free Fire e o eFootball.

O estudo também indicou os jogadores de eSports brasileiros que mais faturam no país. O capitão e in-game leader da G2 Esports, Karl “Alem4o” Zarth, é o jogador mais bem-sucedido, com 206 mil dólares em prêmios só neste ano. Gabriel “volpz” Fernandes é o novo membro do Team Liquid e, em abril, embolsou US$ 5.497,00 na Liga Brasil 2023. Gustavo “Herdsz” Herdina está jogando atualmente como in-game leader para o W7M Esports e já ganhou US$ 94.711,00 em 2023, com seu maior faturamento sendo de US$ 25.804,00 em 2022.

A pesquisa conclui que o faturamento total dos dez jogadores mais bem-sucedidos na lista em 2023 é de US$ 808.298,00, superando a marca de R$ 4 milhões.

Comments

comments

Continue Reading

League of Legends

CBLoL abre inscrições para seleção de equipes em novo modelo de Liga

Bruna Andrade

Published

on

Previsão é de que parcerias de longo prazo passem a vigorar a partir de 2021

A Riot Games, desenvolvedora de jogos e organizadora do Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLoL, anuncia nesta quinta-feira, 4, o início das inscrições para o modelo de parceria de longo prazo, uma iniciativa que muda a estrutura do torneio no Brasil a partir da Temporada de 2021. Para participar da seleção, as equipes interessadas devem seguir as instruções detalhadas no site LoL Esports BR. O prazo final para as inscrições termina em 28 de junho de 2020.

O projeto foi concebido com o objetivo de oferecer um cenário de maior estabilidade para o crescimento das organizações, que passam a não ser rebaixadas a cada etapa do torneio. Desse modo, os times passam a ter previsibilidade de sua permanência no campeonato, o que permite às equipes desenvolver projetos esportivos, administrativos, comerciais e financeiros com uma visão de longo prazo.

Garantindo aos times estabilidade, as equipes podem planejar o crescimento gradual e a evolução de suas operações de forma sustentável. A Liga também se beneficia de um cenário mais sólido, pois ao garantir condições mais saudáveis ao desenvolvimento das organizações, trará menos disparidade entre os times e, consequentemente, mais competitividade e progresso do desempenho esportivo como um todo.

“Criamos um modelo totalmente adaptado para o mercado brasileiro, com base nos aprendizados de ligas como a LCS e a LEC”, afirma Carlos Antunes, head de Esports da Riot Games no Brasil. “Mas também consideramos características específicas de nosso mercado e região”, completa. 

O modelo de parceria de longo prazo, além de criar relações duradouras com as organizações, também regula mecanismos que incentivam a competitividade esportiva, geração de novas receitas para compartilhamento entre os parceiros e o estímulo ao surgimento de novos talentos para as equipes.

Para garantir total isonomia e transparência com as organizações interessadas em fazer a inscrição, detalhes sobre a mecânica do modelo de parceria de longo prazo serão divulgados publicamente em breve. Por ora, apenas os integrantes da seleção terão acesso ao projeto, na íntegra, mediante acordo de confidencialidade. 

Comments

comments

Continue Reading
Advertisement

Veja também

Advertisement

%d blogueiros gostam disto: