Connect with us
Fim de Dragon Ball Super: Vegeta mais forte que Goku? Fim de Dragon Ball Super: Vegeta mais forte que Goku?

Animes e Mangás

Fim de Dragon Ball Super: Vegeta mais forte que Goku?

Bruna Andrade

Published

on

Dragon Ball Super encerrou sua primeira exibição com o episódio de ontem, e sem querer querendo, o anime confirmou no final que Vegeta encerrou essa primeira parte mais forte do Goku, e muita gente não se deu conta disso. Hoje, desenvolveremos um pouco mais sobre esse ponto.

E fique atendo vamos falar sobre spoilers, você foi avisado!

No episódio 131 de Dragon Ball Super, vimos o fim do Torneio do Poder, com a dupla inesperada de Freeza (oi sumido), e de Goku derrotando Jiren e fechando assim o Torneio do Poder com chave de ouro e com o Androide 17 garantindo a oportunidade de escolher o que ele quisesse como desejo para as Super Dragon Balls.

Como o Androide 17 escolheu restaurar os universos apagados, o Sumo Sacerdote revelou que todos os universos seriam apagados para sempre se esse não tivesse sido o desejo do vencedor, e a paz reinou nos universos por algum tempo.

Após isso, a cena final de Dragon Ball Super começou a ser exibida, e vimos Goku e Vegeta treinando entre eles para ficarem cada vez mais forte, numa cena que remonta os dias de Dragon Ball Z onde eles se enfrentaram

Nessa cena, Vegeta pergunta para Goku o que havia acontecido com o Instinto Superior dele, e Goku revela que ele não conseguia despertar a técnica, e que ele havia feito aquilo por acaso pois foi levado ao limite.

Pois bem,  durante o Torneio do Poder, Vegeta despertou o Super Saiyajin Blue Aperfeiçoado, que é uma transformação um estágio acima do Super Saiyajin Blue normal.

Na luta contra Jiren, o anime deu a entender que essa transformação seria pelo menos tão forte quanto o Kaioken aumentado em 20 vezes do Goku, o que significa que o príncipe dos saiyajins é bem superior a Goku caso ele use ela num combate entre ambos.

Não sabemos quanto tempo passou entre o final do Torneio do Poder e a luta de treinamento dos dois ali, mas a menos que Goku tenha treinado feito um louco, Vegeta encerrou Dragon Ball Super um passo à frente de Goku graças a essa nova transformação.

O que vocês acham disso? Vamos debater nos comentários!

Comments

comments

Bruna Andrade - Conhecida por ai como Nana ou Pandora Nana, cosplayer, geek, publicitaria, streamer e redatora da Gaming News. Louca por jogos e e-sports. Me segue lá nas redes sociais: Instagram: @pandora.nana Twitter: @pandoranana_

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Animes e Mangás

Resenha – Ranger Ordem dos Arqueiros – Ruinas de Gorlan

Rapha

Published

on

Ranger ordem dos arqueiros ruinas de gorlan é primeiro livro série, best seller no New York times, escrito pelo escritor australiano John Flanagan.

Ranger é um livro de fantasia medieval, mas com certeza você deve estar pensando “ok, mais um livro de fantasia medieval”, confesso que também pensei o mesmo antes do meu primeiro contato, mas descobri que estava completamente engando. Não soltarei spoilers, então fique tranquilo e aprecie sua leitura até o fim.

História

Nesse primeiro livro foi trabalhada a apresentação dos personagens, cenário e principalmente a diferença de Rangers e os demais livros de fantasia que estamos acostumados.

A principal diferença está em seu protagonista, Will, um jovem órfão que foi criado junto de seu amigo Horace (ou não tão amigo) e outros por um dos Barões de Araluen, Araud.

Will sempre sonhou em ser um Guerreiro como seu pai, que faleceu em combate defendendo o reino, sem ao menos o ter conhecido. Após ser reprovado no teste para a Escola de Guerra, Will fica arrasado, pois em sua cabeça seu sonho tinha ido por água abaixo. Você deve estar se perguntando “tá, mais um protagonista que vai fazer de tudo para se tornar um guerreiro”, pois bem, essa é a parte que mais gosto, Will nunca esperava que na verdade ele seria selecionado para fazer parte da “escola” de arqueiros, na verdade escola no sentido de ensino, pois o nosso protagonista torna-se de um aprendiz de um dos maiores arqueiros do reino, Halt.

Arqueiros de Araluen

O mais legal no Rangers sem sombra de dúvidas é a quebra de paradigmas, pois aqui os Arqueiros não são somente aqueles que ficam na retaguarda atirando flechas para o ar, esperando para acertar um alvo para o acaso. Os arqueiros são o serviço de inteligência do Reino, e são temidos por muitos cidadãos, pois tem a habilidade de se mover furtivamente como um ser sobrenatural, por esse motivo muitos os veem como feiticeiros. Como diz um ditado. “Os arqueiros levam 24 vidas em suas aljavas”.

“Os arqueiros levam 24 vidas em suas aljavas”.

Morgarath

O primeiro antagonista apresentado pela série, Morgarath está presente em Ruínas de Gorlan e no livro 2, Ponte em Chamas. Morgarath é um antigo barão traidor do reino, se voltou contra o Rei de Araluen Duncan. Após anos planejando sua vingança, o vilão retorna com suas criaturas Wargals vingar-se pela última Guerra.

 

Livro

O livro não é grande, é compacto e com um bom acabamento. A capa é muito bem trabalhada, todas com flechas em alto relevo, sem sombra de dúvidas foi realizado um trabalho de administração de materiais muito bem elaborado.

Conclusão

Ranger é minha série de livros preferidas, principalmente pelo fato de fazer com que eu queira ser um arqueiro, e não um Guerreiro. Vale lembrar que em 2016 a Dick Cook Studios, comprou os direitos para produzir um filme da série, já estou na fila de espera.

E ai que está esperando para começar a sua leitura?

Ranger: Ordem dos Arqueiros – Ruínas de Gorlan é distribuído no Brasil pela Editora Fundamento e pode ser encontrado nas livrarias brasileiras  entre R$ 21,00 e R$ 29,00.

 

 

Comments

comments

Continue Reading
%d blogueiros gostam disto: