Connect with us

A matilha surpreendeu a todos desde o primeiro dia do CBLoL, e qual foi o motivo dessa surpresa?

A line up do time da Red Canids foi estruturada com jogadores que foram retirados de seus antigos time, Nappon e Robô que saíram da Keyd logo após o botcamp na coreia, Brtt que estava como reserva no time paiN Gaming e Dioud que saiu da equipe logo após  o mundial que a paiN participou,  e temos o Tockers que foi o único que mudou de time por escolha própria, e logicamente que não podemos esquecer do yotitular, o jogador Yoda foi retirado do time titular da CNB e teve após isso uma campanha complicada como jungler, mas voltou a brilhar na rota do mid pela matilha vermelha.

O que se esperar de jogadores que foram de certa forma rejeitados? Essa era uma pergunta que pairava no ar, até a Red Canids simplesmente voar e passear durante toda fase de grupos.

A botlane simplesmente mostrou novamente a sincronia que levou a paiN ao mundial em 2015, ele Brtt que vinha desacreditado após o tempo na reversa colocou novamente para “Rexpeitar” e garantiu sua invencibilidade em finais do CBLoL, seu suporte Dioud mostrou maestria com os mais diversos tipos de campeões e soube fazer seu time e seu ad carry crescer em todos os jogos.

Mas na grande final o duo bot foi diferente, já que apenas em um jogo o Brtt participou, sendo que nos outros dois jogos o Sacyr que mostrou que sim os reservas estão 100% no mesmo nível que os titulares.

Mas de quem mais ouvimos falar nesse Split foi dele o mid laner Tockers, que trouxe todo o conhecimento a época da INTZ para a matilha vermelha, soube liderar, ajudar todos os seus companheiros, e logicamente foi elogiado por todos, até que uma tendinite o atingiu na semifinal, e devido a isso ele foi substituído pelo Yoda.

Yoda o famoso streamer de League of Legends que virou jogador profissional, e que muitos criticavam, chegou à semifinal desacreditado, mas simplesmente brilhou tanto na semi quanto na grande final no primeiro jogo da série.

A grande final

1° jogo

O Nappon pressiona o Revolta e garante a primeira kill, e não para mais, com menos de 10 minutos de jogo o jungler já estava 3/0 e havia garantindo um dragão infernal.

Com apenas vinte minutos a Red Canids já destrói toda a linha t1 da Keyd, e acelera o jogo e garante barão com apenas 24 minutos e o segundo barão aos 35 minutos e partem para base da Keyd Stars e acabam com o jogo.

Destaque da partida: Nappon

2° jogo

O segundo jogo já começo com mudanças no time da Red Canids, sai Brtt e Yoda e entra Sacyr e Tockers.

Luta no top garante a primeira kill para Red, mas com uma ótima rotação a Keyd garante a primeira torre do game.

Mesmo com a vantagem da primeira torre e com dois dragões a Keyd perde as três torres t1 e a primeira t2 com apenas 18 minutos.

Como medida desesperada ao ter o inibidor do bot destruído o time Keyd Stars inicia o barão, mas a matilha encaixa uma ótima luta, mesmo que o Revolta tenha calibrado o smite e garantido o buff, a Red ganha a luta e da um Ace, e assim define a partida indo para a base da Keyd e aniquilando o nexus.

Destaque da partida: Robô

3° Jogo

O terceiro jogo começa com a mesma formação da Red que o segundo jogo com o ad carry Sacyr e o mid laner Tockers.

Em um 2×2 no bot a matilha leva a melhor e o Sacyr garante a primeira kill do terceiro jogo

Com uma boa luta no top a Keyd passa a frente pela primeira vez na serie, mas logo em seguida com um tp do robô a Red Canids e com a precisão de suporte Dioud a Red recupera novamente à frente na partida.

O suporte Dioud cria as jogas com uma precisão absolutamente incrível com seu Thresh, e cada vez a lutas desandam mais para o time da Keyd e que começa a perder suas torres de nexus para os minions.

Aos 37 minutos de jogo a Red Canids garante o barão e parte para a base as Keyd para dar o gg, já que existe apenas uma torre de nexus em pé nessa altura de jogo, fazem a ultima.

Foram mais de 3.000 pessoas no Classic Hall em Recife para acompanhar essa grande final, e para gritar pela Matilha, a torcida da Red Canids estava em peso.

Comments

comments

eSports

SirT é oficialmente o jungler do time do Flamengo

Published

on

SirT é oficialmente o jungler do time do Flamengo

Após muita espera finalmente o Flamengo fez o primeiro anuncio de um dos jogadores de sua lineup de League of Legends.

Como já era especulado na mídia, Túlio “SirT” Carlos, foi confirmado pelo time nessa segunda feira (04 de dezembro), e será o jungler titular time.

Túlio fez sua carreira no brasil na paiN Gaming ao lado do que achávamos ser seu eterno duo, Gabriel “Kami” Bohn. Após o primeiro split de 2017, o jogador deixou sua antiga organização ao receber a noticia que Tay seria o novo titular da equipe, mas o jungler não ficou parado e atuou pela Challenger Series Norte-Americana pela Big Gods.

O Flamengo apenas anunciou seu coach Mit, e o restante da lineup continua apenas nas especulações da galera.

A equipe jogará o Circuito Desafiante, mas promete um lineup digna de 1° lugar do CBLoL

Comments

comments

Continue Reading

eSports

Santos Dexterity encerra time e Team Fontt compra line-up

Published

on

Santos Dexterity encerra time e Team Fontt compra line-up

A Ubisoft anunciou hoje dia 18/07/2017, a participação do Team Fontt no Brasileirão Rainbow Six e na Rainbow Six Pro League 2017, a partir desta semana de disputas das respectivas competições.

Em caráter excepcional, o clube ficará com a vaga e a line-up da antiga Santos Dexterity, que deixará os torneios por dificuldades no cumprimento de algumas obrigações contratuais com os seus atletas. Após o encerramento das negociações entre as partes, a line-up foi contratada pela Team Fontt.

Com isso, a partir desta terça-feira (18), a Team Fontt estará na disputa pela vaga nas fases mundiais da Pro League e na primeira fase do Brasileirão Rainbow Six. Na terça-feira, enfrentará o INTZ nas semifinais da divisão LATAM da Pro League, enquanto no domingo (23), o clube vai encarar a Merciless Gaming, pelo Grupo B do Brasileirão Rainbow Six.

A line-up seguirá a mesma, composta por Gabriel “cameram4n” Hespanhol, João “HSnamuringa” DeamLeonardo “Astro” Luis, Rafael “mav” Freitas e Guilherme “Gohan” Alf.

Comments

comments

Continue Reading

eSports

Penúltima rodada do CBLoL e o pick surpresa do 4Lan e INTZ na semifinal

Published

on

Penúltima rodada do CBLoL e o pick surpresa do 4Lan e INTZ na semifinal

É meus amigos esse final de semana rolou a penúltima rodada do CBLoL, já estamos chegando na reta final e o único time que já se classificou para as semifinais foi o atual líder do campeonato a INTZ.

Vamos rever rapidamente o que aconteceu nos jogos? Confere ai!

O maior clássico do CBLoL – Keyd vs paiN Gaming

Clássico é clássico e como sempre o resultado é imprevisível, tanto para a paiN quanto para a Keyd um empate não era o suficiente, já que isso levaria os times a dependerem dos resultados de outros confrontos na última semana do CBLoL para se classificarem para a semifinal.

Mas não deu outra, a paiN garantiu o primeiro jogo, com direito ao mid laner Kami acabar a partida 9/1 sendo decisivo em todas as lutas do primeiro jogo.

Já o segundo jogo foi vitória da Keyd, com tp do Yang na base na paiN após a Keyd vencer uma luta e conquistar a vantagem numérica, o top laner o Yang pensou rápido e levou as torres do nexus enquanto o seu time ainda estava a caminho da base inimiga.

Veja o 1° jogo 

Veja o 2° jogo

Garantindo a liderança e a vaga na semifinal – INTZ vs ProGaming

Os intrépidos conquistaram sua vaga para os playoffs, com uma vitória limpa e rápida sobre um dos times que chegou a essa etapa final do CBLoL como um dos mais fortes.

Em entrevista, o jungler Turtle já havia falado que finalmente o time havia se encontrado e que já sabiam como iriam lidar com as próximas partidas, já que estavam conseguindo corrigir os erros que estavam cometendo nas semanas anteriores.

E essa melhoria foi visível nas partidas contra a ProGaming, que foram rápidas e decisivas, fazendo o jogo rodar rapidamente e garantindo assim o primeiro lugar do CBLoL e a vaga para a semifinal, com um tempo baixo de vitória, que será o critério usado para classificar os times caso ocorra algum empate.

Veja o 1° jogo

Veja o 2° jogo 

Duelo dos desesperados – CNB vs TShow

Seria um pouco arriscado dizer que esse era o jogo mais esperado do CBLoL? Bem, para muitos realmente era, esse jogo foi uma luta para ver qual time irá ser rebaixado diretamente para o circuito desafiante, já que ambas as equipes vão enfrentar na última semana times que vem extremamente mais fortes que eles nesse CBLoL.

A experiência e alguma mudanças como a volta do Wos na posição de suporte, trouxeram uma vantagem para os blumers, assim conquistando sua primeira vitória no CBLoL, e finalmente desempatando com a TShow que segue lanterna do campeonato e que deve ser o time a cair diretamente para o Circuito Desafiante.

Veja o  1° jogo 

Veja o 2° jogo 

Não é Team one contra Red Canids é Draven contra o Brtt

Vai ser impossível falar dessa série sem falar do pick surpresa que o jungler 4lan deu de presente para seu AD Carry Absolut.

Para quem não acompanhou os jogos durante a seleção de campeões para o primeiro jogo da série o jungler 4lan ficou mudando aleatoriamente os campeões, e quando tentou selecionar o suporte Braum o tempo se esgotou e o jogo foi aleatoriamente para o Draven.

Devido a isso houve uma pausa para análise do que aconteceu, e a informação que nos foi passada até o exato momento da publicação deste artigo foi que o jungler selecionou várias vezes a opção aleatório, que é uma opção que sorteia entre os campeões um, para o jogador selecionar, mas essa opção tem uma certa demora entre cada sorteio, e o tempo de seleção do campeão se esgotou entre uma delas.

Assim foi decidido pelos juízes do CBLoL, que foi um erro do jogador que está usando a ferramenta de forma incorreta e não do client, e o seu time seria obrigado a jogar com o Draven, o campeão que foi selecionado neste ocorrido.

Isso mudou completamente a estratégia de jogo da Team One para a partida, já que precisaram complementar sua composição que já contava com elise na jungle para acompanhar o pick surpresa, e para complicar ainda mais a situação eles iriam jogar contra o melhor e mais famoso jogador de Draven o Brtt.

Não deu outra, mesmo a Team One dando esperanças com um bom início de partida, a Red Canids e principalmente o Brtt mostrou o porquê não se deve pegar o Draven contra ele. Ainda mais em um momento que o ADC não vem tão forte no meta.

Já o segundo jogo tivemos a mudança na Team One com a entrada no Marf que trouxe novamente a Cassiopeia que é seu melhor campeão. Mas mesmo com essa mudança a Red dominou o game e conquistou a segunda vitória na série.

Bom lembrar que a Team One precisava apenas de um empate para se classificar para a semifinal, e que na ultima rodada eles irão enfrentar a paiN.

Veja o 1° jogo

Veja o 2° jogo

Comments

comments

Continue Reading

Trending